Leia também

Martech: como o marketing digital tem inovado as empresas

Você já ouviu falar de “Martech?” Esse é um termo bem atual e é um dos efeitos da transformação digital, que tem influenciado em inúmeras áreas, inclusive o marketing.

Essa junção da tecnologia e marketing traz soluções que revolucionam as práticas digitais e o próprio mercado. Isso porque são inovações que possibilitam o desenvolvimento de estratégias e sucesso nas ações.

Confira, então, esse conteúdo na íntegra para entender mais sobre martech. Assim, utilizar os recursos e promover melhorias para sua empresa.

O que é uma MarTech?

Como citamos no início, uma martech surge da combinação da tecnologia com marketing. Ou seja, da inovação e da técnica, que neste caso advém da área de marketing.

E essa junção auxilia os profissionais a criarem técnicas melhores. Além disso, ajuda a: criar, entregar, comunicar, automatizar, integrar e ajustar os esforços de marketing.

Uma martech também se refere a utilização de softwares específicos para área de marketing, a fim de otimizar as tarefas diárias.

É importante citar também como esses sistemas para martechs influenciam na maneira como os profissionais atuam, ajudando na execução de ações de marketing, na análise de desempenho, planejamento e aplicação de insights em campanhas futuras.

Essa tecnologia aplicada ao marketing corrobora para um ambiente multi-touchpoint, omnicanal e, principalmente, com aceleração digital.

Dessa forma, uma martech utiliza soluções que impactam desde a execução à jornada do cliente, melhora os recursos de análise e atuação dos especialistas.

Como finalidade, ajuda líderes a tomarem decisões baseadas em dados, com intuito de melhorar o desempenho da equipe e permitir que os profissionais sejam estratégicos, comunicativos e eficazes.

Como surgiu?

De fato, não existe um marco que difundiu a martech. Contudo, a consolidação aconteceu no mesmo momento em que os softwares de gestão de marketing ganharam popularidade. Inclusive, ocorreu na mesma fase do crescimento do marketing digital.

Há também a relação da indústria da martech com o avanço do modelo Software-as-a-Service (SaaS), que tomou força a partir dos anos 2000.

No entanto, foi a partir de 2010, com a ascensão do marketing digital, que o conceito de martech desenvolveu as características que são implementadas atualmente.

Outro fator importante, é o conceito de “Customer Experience”, que está bastante atrelado à martech, já que a experiência do usuário passou a ser fundamental para a massa. Assim, as empresas passaram a se preocupar também.

Quais são as principais características de uma Martech?

Primeiramente, você precisa ter em mente que entender as características das martechs te ajuda a utilizar as soluções inovadoras com sabedoria e estratégia. Confira, então, quais são.

Gestão de processos

A gestão de processos para uma martech tem inúmeras finalidades. Mas, de maneira geral, auxilia no aumento da produtividade das equipes e acompanhar a execução de projetos.

Com isso, as Martechs têm essa carcaterística de gestão de processos, que proporciona uma a otimização  a rotina de trabalho da equipe de marketing.

Gestão de pessoas

A fim de evitar problemas entre tecnologia e profissionais, a gestão de pessoas vem como uma característica que proporciona uma correta utilização das ferramentas e recursos das martechs.

Assim, o marketing incorpora em sua atuação recursos de mapeamento de produtividade e desempenho dos profissionais.

Funil de vendas

Aqui, a martech surge como solução para melhorar o processo de entendimento de compra do cliente, permitindo o acompanhamento as etapas e jornada desde o primeiro contato, até a conversão.

Assim, os profissionais de marketing conseguem compreender o comportamento do cliente em cada etapa do funil. Desse modo, é possível desenhar melhores e mais eficientes ações para captar o consumidor.

Relacionamento com o cliente

Um ótimo exemplo de uma ferramenta da martech é o CRM, que auxilia diariamente no relacionamento com clientes e prospects.

Essas ferramentas de relacionamento com o cliente estão atreladas a integração de canais, por exemplo. Assim, é um dos recursos fundamentais para as martechs.

Mensuração de resultados

Essa é uma característica importantíssima para uma martech, especialmente por lidar com a análise de dados durante o desenvolvimento de ações de marketing.

Mesmo sendo fundamental, ainda há dificuldades em encontrar ferramentas para mensuração de resultados. O estudo da Automizy de 2019 apresenta que 20% das empresas ainda possuem problemas para encontrar as ferramentas certas de marketing.

A partir disso, as martechs chegam como auxílio no desenvolvimento de recursos para monitoramento, mensuração e planejamento. Algumas dessas ferramentas, são: CRM, Analytics e gestão de CMS.

Automação e aceleração digital

Por fim, mas não menos importante, a automação é uma das características mais marcantes das martechs. Mas, por quê?

A eficiência faz parte da rotina das martechs e isso ocorre por conta da automação e aceleração digital que ocorre nesse meio.

E, conforme um levantamento da Nucleus, a automação no setor de marketing pode aumentar a produtividade das equipes em 20%.

Assim, essa automação pode vir por meio de sistemas, como o ERP, Programador de anúncio, CRM, Big Data e robótica.

Ferramentas usadas nas MarTechs

As ferramentas utilizadas nas martechs são diversas, dividas entre setores no marketing e finalidades. Conheça algumas delas, conforme áreas.

Marketing de Conteúdo:

Podem ser utilizadas ferramentas, como: SEO, Landing Pages, CMS, Content Curation, Content Marketing, entre outras.

Rich Media:

Nessa categoria, os profissionais de marketing podem usar ferramentas para: design, áudio, vídeo e também para desenvolver conteúdo.

Mídia Social:

Um ótimo exemplo são as redes sociais, ou seja: Instagram, Facebook e LinkedIn. Pode estar associado a ferramentas que facilitam essas mídias sociais.

Automação de marketing:

Aqui, pode estar associado a ferramentas para automatizar os processos de marketing, como: disparador de e-mail marketing, plataformas de automação e recursos gerais também.

Publicidade

Neste último tópico, as ferramentas estão como responsáveis por otimizar os anúncios, inclusive na fase de pesquisa. São mecanismos então que corroboram para: publicidade em mídia social, publicidade nativa e mídia programática.

Qual é a diferença entre martech e adtech?

Para rápida compreensão das diferenças entre martech e adtech, é fundamental que você entenda que:

“Enquanto as MarTechs são voltadas para ações de marketing, as as AdTechs têm como foco a otimização de soluções voltadas à publicidade”.

Portanto, a martech é uma startup de espectro mais amplo, englobando, inclusive, as adtechs.

Vantagens de investir em uma martech

Para finalizar, vamos apresentar alguns benefícios de investir em uma martech. Confira:

tomada de decisões baseadas em dados;

  • Processos otimizados;
  • Melhor aproveitamento dos profissionais;
  • Assertividade nas ações;
  • Resultados eficientes;
  • Clientes mais satisfeitos.

E então, gostou desse conteúdo? Não esqueça de conferir outros materiais em nosso site!

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Assine aqui nossa news: conteúdos do mundo do RH.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Assine nossa newsletter

    Posts Relacionados.

    Comentários.