fbpx
Leia também

O que é integração contábil?

Entenda a Integração Contábil 

O avanço da tecnologia tem sido benéfico para a sociedade e também para empresas. Por meio dela, surge a integração contábil e automação dos processos. 

Com a integração contábil, as empresas conseguiram otimizar suas funcionalidades. Assim, obtiveram um melhor planejamento financeiro, controle de contas e das obrigatoriedades acessórias. 

Mas, você sabe o que é Integração Contábil, o que proporciona de fato às organizações e suas funcionalidades? Entenda, neste artigo! 

O que é integração contábil? 

A integração contábil é uma solução desenvolvida com o propósito de integrar o sistema de gestão empresarial ao setor contábil.  

Dessa maneira, permite que os profissionais contadores tenham acesso às informações de maneira automatizada, pois conseguem ter auxílio de um sistema diretamente relacionado a softwares de gestão, como o ERP. 

Um dos pontos principais da integração contábil é a ausência de retrabalho com digitação, já que todos os dados são registrados automaticamente.  

Sendo assim, garante a segurança dos dados da empresa, clientes e fornecedores. Além disso, promove produtividade, otimização, melhor proveito dos profissionais e conformidade com a legislação. 

Como funciona? 

A integração contábil acontece por meio dos dados financeiros que são registrados no ERP, o qual consegue direcionar essas informações a um sistema de contabilidade.  

Assim, tudo que foi inserido no software de gestão empresarial será, posteriormente, enviado à contabilidade. Dessa forma, há uma conexão dos dados financeiros e fiscais da empresa diretamente com a sua contabilidade, seja interna ou terceirizada. 

Portanto, a integração contábil funciona como um meio facilitador para a contabilidade acessar as informações fundamentais da organização e realizar os cálculos dos impostos ou taxas devidas. 

Leia também: Contabilidade Integrada de Custos – O que é? Como fazer? 

Quais os benefícios da integração contábil? 

Além das vantagens relacionadas à funcionalidade da integração contábil, essa solução proporciona benefícios completos. Isso tanto para as empresas quanto para os profissionais. Veja: 

Para as empresas 

  1. Redução de erros 

Especialmente em relação a erros de classificação, a integração contábil veio para eliminar esse problema do dia a dia das empresas. 

Com a solução, o setor de contabilidade deixou para o software de gestão a tarefa de registrar as informações e salvá-las, assim os dados são importados desse sistema sem erros ou imprecisões. 

  1. Aumento da produtividade 

Por conta da automação e integração em tempo real entre os sistemas, é possível promover uma melhor produtividade dos colaboradores e de um contexto geral da empresa.  

Isso acontece porque gestores e tomadores de decisão conseguem unir esforços para tarefas estratégias, que auxiliam na produtividade, crescimento exponencial e futuro da organização. 

Além disso, profissionais de contabilidade explicam que, por conta da redução de retrabalho, a execução dos lançamentos financeiros é feita com menor tempo e também com menor custos para as empresas. Dessa forma, elevou-se a competitividade. 

  1. Assertividade dos dados 

Por ter integração com sistema ERP, os dados exportados para o software de contabilidade chegam com fidelidade, ou seja, da mesma maneira que foram registrados de início.  

Por conta dessa funcionalidade, empresa e profissionais têm a segurança de trabalhar com informações corretas. Portanto, estará me conformidade em todos os processos. 

  1. Padronização dos processos 

A partir do desenvolvimento de um software próprio para coletar informações e automatizar seu processamento, os métodos de contabilidade ficam padronizados, mesmo que ela seja terceirizada. 

Um desses processos que entram em padronização é o histórico de lançamentos contábeis, pois podem ter parâmetros previamente definidos. Assim, a integração contábil consegue elevar a qualidade dos serviços. 

Para os profissionais 

  1. Economia de tempo  

Por conta da automação que a integração contábil proporciona, os profissionais de contabilidade ganharam tempo em suas funções, como focar em consultoria e organização. 

Como não é necessário mais refazer algumas tarefas, a rotina dos colaboradores fica dinamizada e menos burocrática, já que a tecnologia simplifica muitas ações. 

  1. Ganho de papel estratégico 

Com a integração dos dados da empresa, o colaborador da área contábil consegue melhorar a organização de suas tarefas e, com isso, elevar os resultados. 

Além disso, os profissionais ganham a possibilidade de contribuir para uma melhor gestão dos dados, valorizando a capacidade crítica. 

Com essa participação bem mais estratégica, é possível utilizar todo seu conhecimento agregado e aplicar no dia a dia da instituição. 

  1. Elaboração de um plano de negócios 

Com o melhor aproveitamento do tempo na empresa, o colaborador consegue ampliar sua elaboração em um plano de negócios e auxiliar na tomada de decisão, especialmente em relação ao financeiro. 

Além disso, o profissional tem a possibilidade de elevar sua renda. Segundo uma pesquisa realizada pelo Sebrae, 61% das empresas estariam dispostas a ampliar o pagamento por serviços de consultoria em contabilidade.   

Ou seja, as organizações enxergam a importância de aliar a tecnologia a colaboradores estratégicos, que possam contribuir para o bem dos negócios. 

Sugestão de conteúdo5 dicas para facilitar sua gestão fiscal 

Como escolher um sistema de integração contábil 

Antes de investir em um sistema de integração contábil, é importante compreender se ele tem a capacidade de se integrar também com seu sistema ERP. Isso é fundamental, para que não ocorram problemas. 

Um software de ERP comanda toda gestão empresarial, garante a conformidade com a legislação e a organização dos processos de todo e qualquer negócio. 

Portanto, verificar essa integração é indispensável. Além disso, essa é uma decisão que conta com alguns critérios em relação ao sistema, como: 

  • Funcionalidades que asseguram dados fiscais e contábeis corretos; 
  • Exportação da movimentação financeira simples e completa; 
  • Permissão de plano de contas do setor contábil; 
  • Classificações das informações; 
  • Acompanhamento do crescimento da empresa; 
  • Exportação em formatos adequados; 
  • Entre outros requisitos igualmente relevantes. 

Portanto, atente-se a procurar feedback a respeito do sistema de integração contábil e certifique-se de que o seu software ERP acompanhe as soluções atuais do mercado.  

Verificar esses dois pontos garante que o setor contábil da empresa esteja sempre adequado às leis, organizado e que acompanhe a produtividade dos negócios. 

Dica extra! 

Ainda não tem um sistema ERP que faça integração com a área contábil da sua empresa? Conheça as nossas soluções de gestão empresarial, que se adaptam a diferentes modelos de atuação no mercado! 

Se preferir, nossos especialistas podem explicar melhor sobre sistemas de gestão 😉 

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Assine aqui nossa news: conteúdos do mundo do RH.

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Assine nossa newsletter

    Posts Relacionados.

    Comentários.