Demonstrativo de pagamento e contracheque

Demonstrativo de pagamento e contracheque são a mesma coisa?

No mercado de trabalho, o alto número de nomenclaturas dadas a diferentes processos e procedimentos podem confundir a cabeça daqueles que não têm conhecimento do ramo.

Uma das dúvidas que mais surge nesse meio, é quando o assunto se trata das diferenças entre demonstrativo de pagamento, contracheque, holerite e daí por diante.

Hoje, a Starsoft vai evidenciar de uma vez por todas a diferença entre esses termos (se é que existe alguma). Então, continue lendo o post de hoje para saber mais!

Demonstrativo de pagamento e contracheque são a mesma coisa?

A resposta que você está procurando é: Sim! Demonstrativo de pagamento e contracheque são a mesma coisa. Contudo, a empregabilidade dos termos pode variar conforme alguns fatores.

Há um tempo atrás, viralizou na rede social Twitter um post onde a palavra ‘Holerite’ estava inserida. A alta repercussão do tweet gerou um novo “embate linguístico”, pois pessoas de diferentes regiões do país não reconheciam a expressão usada para representar o demonstrativo de pagamento.

No dicionário, contracheque, demonstrativo de pagamento, holerite e recibo de vencimento aparecem como sinônimos, ou seja, são expressões com significados semelhantes que podem, em algumas situações, ser substituídas umas pelas outras sem perder o sentido da sentença.

Isso tudo quer dizer que a maneira que o trabalhador irá nomear as coisas à sua volta pode variar conforme região geográfica, idade, classe social e, até mesmo, grau de formalidade do contexto da comunicação.

Esse fenômeno é conhecido como variação linguística. No caso do debate entre demonstrativo de pagamento e contracheque, trata-se exclusivamente da variedade regional.

Estudos apontam que a palavra holerite é usada mais corriqueiramente em São Paulo, enquanto nas demais regiões os trabalhadores aguardam o recebimento dos seus contracheques.

Na língua portuguesa, a discrepância encontrada entre termos que significam a mesma coisa é bem comum, principalmente relacionada a alimentos. Inclusive, uma internauta brincou: “O bolacha ou biscoito? do trabalhador com carteira assinada é contracheque ou holerite?” 

 A importância do demonstrativo de pagamento

 

Para os funcionários

O demonstrativo de pagamento é um dos documentos mais importantes ao trabalhador quando se trata da transparência entre empregador e empregado. Todavia, muitas pessoas não reconhecem a real importância desse documento, seja para a empresa ou para o corpo de funcionários.

O contracheque é essencial para que o funcionário tenha conhecimento de todos os registros financeiros que foram gerados durante o mês.  Além disso, ele também serve como comprovante de renda, podendo ser usado para abertura de crediários ou de contas em bancos.

Outro fator importante que o contracheque carrega, é o de confirmação que o valor de salário depositado pela empresa é o mesmo que consta no demonstrativo.

 

Para a empresa

Do outro lado da moeda, a empresa consegue ter pleno domínio sobre o registro de todos os vencimentos, descontos e bônus de seus colaboradores, além de comprovar que a corporação está cumprindo com todas as suas obrigações, sejam trabalhistas ou fiscais.

O que precisa constar em um contracheque?

Um demonstrativo de pagamento é o documento impresso que apresenta todos os vencimentos do trabalhador. Nele, é possível fazer a comparação do que foi depositado ao funcionário.

Nele, você encontra:

  • Plano de aposentadoria;
  • Contribuições previdenciárias;
  • Seguros;
  • Descontos;

Ou seja, no contracheque, é apresentado o valor líquido a ser creditado na conta do colaborador, evidenciando todos os descontos.

Conclusão

Esperamos ter clareado de uma vez por toda as noções em torno do demonstrativo de pagamento. Se você quer saber mais sobre essa importante documentação, clique aqui e leia esse artigo da Starsoft.

Paste your AdWords Remarketing code here