Ponto Eletrônico Biométrico

Ponto Eletrônico Biométrico – Como Funciona?

São inúmeras as empresas que já aderiram ao ponto eletrônico biométrico como uma solução para o controle da jornada do corpo de funcionários. Oferecendo segurança para ambos os lados, gestor e servidor ficam a par de suas respectivas responsabilidades.

Determinado por lei, todas as empresas com mais de 10 funcionários devem realizar o registro de ponto, e existem hoje várias formas de assim fazê-lo, seja manual, mecânico, eletrônico e, sobre o que iremos falar no post de hoje, o famoso ponto biométrico.

Como funciona o Ponto Eletrônico Biométrico?

Depois de ter o relógio ponto adquirido e homologado, o profissional responsável pelo RH da empresa deve registrar as digitais de todos os colaboradores que irão fazer a marcação do ponto por meio da biometria.

O aparelho extrai um número mínimo de características biométricas do funcionário, como sulcos na pele, por exemplo. Dessa forma, uma espécie de “template” biométrico é gerado e irá representar cada um dos colaboradores. Assim que eles inserirem suas digitais no relógio ponto, aparecerá seus respectivos nomes com a marcação do horário computado. 

Posteriormente, o relógio armazena em sua memória os dados para consultas, lançamento de horas trabalhadas por cada profissional e fechamento da folha de pagamento. 

Ao aderir a esse sistema de registro de ponto por meio da biometria, é necessário a empresa orientar os funcionários que é preciso fazer a marcação no início e no término do expediente, bem como na entrada e saída para almoço ou qualquer outra pausa que o retire do trabalho.

Benefícios do Ponto Eletrônico Biométrico

Essa alternativa possibilitou a modernização e automatização do controle de ponto. Com ela, os colaboradores não precisam se preocupar com senhas e marcações no papel, afinal, com a biometria, a leitura é feita de maneira digital, o que reduz muito as chances de erro ou fraude na marcação do ponto.

Além disso, o sistema biométrico pode ser integrado a outros sistemas utilizados pela empresa, como folha de pagamento, gestão de pessoas e entre outros. Facilitando e automatizando o trabalho,antes manual, dos profissionais do RH.

Com um relógio ponto homologado, sua empresa garante o cumprimento de toda a legislação trabalhista, garantindo que as responsabilidades atribuídas a ambos os lados sejam cumpridas. 

E se o que te preocupa é o preço, pode ficar tranquilo(a), pois ao utilizar o ponto biométrico, você dá adeus à necessidade de comprar cartões magnéticos, administração de marcações em livros de ponto e o número de etapas na gestão profissional. Isso tudo faz a biometria trazer um dos melhores custos-benefício do mercado.

Ademais, como já citamos, esse tipo de registro diminui exacerbadamente o número de fraudes cometidas. Por exemplo, há alguns anos atrás, inúmeros casos de médicos que fraudavam os sistemas de ponto em suas redes de saúde que utilizavam como método de marcação de ponto sistemas onde o usuário insere uma senha, ganharam muito destaque na mídia.

Afinal, essa é uma das formas mais fáceis de burlar o sistema, já que a senha pode ser passada a outros profissionais. No sistema biométrico, o profissional deve inserir sua digital, o que dificulta – e muito – as chances de fraude.

Conclusão

Por fim, se você quer ajuda na compra, implementação e homologação do ponto eletrônico biométrico na sua empresa, entre em contato com a Starsoft. Iremos ajudar você a desburocratizar o RH com soluções que facilitam a rotina desse setor.

Clique aqui e saiba mais sobre as nossas soluções.

Paste your AdWords Remarketing code here